top of page
Buscar
  • elano53

Plataforma permite cirurgia pra quem não tem plano de saúde



Presente inicialmente em São Paulo e no Rio de Janeiro, a plataforma Vidia promete conectar hospitais particulares a pessoas que necessitam de cirurgias eletivas, mas não têm plano de saúde ou cujos planos de saúde não cobrem.

Quem sofre com o atendimento deficiente do SUS sabe a dificuldade que é em situações especiais, como a necessidade de uma cirurgia. Como 70% da população brasileira não tem plano de saúde, a tecnologia pode ser aliada para essas situações.


O que chama atenção de imediato é que todos os custos estão inclusos na hora da contratação, incluindo exames pré-operatórios e estadia hospitalar. O objetivo aqui é usar os centros cirúrgicos que, segundo levantamento realizado pela Planisa, estão ociosos em aproximadamente 60% do tempo.


“Embora o SUS seja eficiente em muitas frentes, ele foi desenhado para atender apenas um terço do volume que recebe hoje. Com a pandemia, o problema se agravou”, explica Thiago Bonini, CEO e cofundador da healthtech. “Somente entre 2020 e 2021, o sistema deixou de realizar quase 2 milhões de procedimentos, segundo dados do Ministério da Saúde. E a Vidia ajuda pessoas desassistidas a terem acesso a esses serviços.”


O segredo está no uso da tecnologia


“Conectamos as pessoas aos pacotes cirúrgicos oferecidos pelos hospitais parceiros, desta forma conseguimos trazer agilidade e concluir todo o processo em poucas semanas, em alguns casos, em poucos dias”, esclarece Eduardo Cerqueira, CIO e cofundador da Vidia.

Obviamente, a forma de pagamento também é uma preocupação onipresente quando se trata de uma cirurgia. A plataforma, porém, oferece até a possibilidade de fazer uma vaquinha virtual para levantar fundos para uma cirurgia ― além dos métodos convencionais, como cartão de crédito, débito, boleto, boleto parcelado, financiamento e crédito com garantia.


“Sabemos que o valor de uma cirurgia pode ser inviável para uma pessoa que está na fila do SUS, então além de oferecer diversas formas de pagamento, criamos a vaquinha virtual pela qual é possível arrecadar os valores de familiares e amigos que queiram ajudar, de forma rápida, simples e segura, sem precisar desembolsar nenhum valor”, complementa Bonini.


Para finalizar, vale lembrar que a plataforma contempla cirurgias gerais como a de pedra na vesícula e hérnias abdominais, cirurgias ginecológicas como a histerectomia, urológicas como a reversão de vasectomia, oftalmológicas como catarata e refrativa de miopia.


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page